Carro do motorista de aplicativo destruído após a discussão e briga no Largo da Ordem. Foto: Divulgação

Na madrugada de quarta-feira (28), um motorista de aplicativo parou com a namorada para comer um lanche no Largo da Ordem, em Curitiba, após um longo dia de trabalho.

O homem, que não quis se identificar, pediu uma coxinha em um estabelecimento da região. Quando voltou ao carro para comer percebeu que o lanche estava estragado.

“Quando percebi que o lanche estava estragado e fui até ao estabelecimento para poder reclamar. Quando cheguei lá, a dona não falava direito a minha língua. A piazada que vem para comprar droga na região achou que nós estávamos discutindo”, relatou.

O fato ocorreu na Rua Nestor de Castro, no Centro Histórico de Curitiba.

De acordo com o motorista, os rapazes que seriam usuários de drogas, acharam que havia uma discussão entre ele e a dona do local. Foi então que a briga física e o quebra-quebra do carro dele teria iniciado.

“Eles acharam que eu estava prejudicando por trazer polícia para o local. Quando eu estava saindo, vieram umas 12 pessoas para cima do meu carro e começaram a quebrar meu carro inteiro. Destruíram um sonho, que realmente é um sonho” , lamentou.

Segundo o rapaz, os suspeitos chegaram a levar pertences dele e tentaram roubar o veículo de trabalho. O motorista relatou que entrou em luta corporal com dois dos suspeitos e conseguiu evitar que levassem o veículo.

“Troquei socos com o que estava na direção e consegui impedir que ele levasse o carro, mas foi um pesadelo enorme que não desejo para ninguém”, disse.

“Não sei de onde vou tirar o dinheiro para arrumar o carro”, disse o motorista emocionado, indo às lágrimas.

Dois suspeitos acabaram presos e foram encaminhados para a Central de Fragrantes de Curitiba. Ambos já tinham passagens pela polícia.

Fonte: Banda B

RECOMENDADOS:

Deixe uma resposta