Foto: Siphiwe Sibeko/Pool via AP

Nesta sexta-feira (15), o secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto, disse que o início da vacinação contra o coronavírus pode atrasar no estado por conta de uma “intercorrência com prazos na Índia”.

A vacinação deveria começar no dia 20 de janeiro, às 10h, conforme anunciado na quinta-feira (14).

Segundo Beto Preto, o estado aguarda definições do governo federal para a chegada de 100 mil doses.

“Houve uma intercorrência com os prazos na Índia. Pode ser que atrase. Por isso não podemos prever que a vacinação comece no dia 20, não podemos também criar falsas expectativas”, afirmou.

O avião que buscaria as vacinas deveria embarcar nesta sexta-feira, mas o voo foi adiado. Além das vacinas da Fiocruz, o estado também deve receber 300 mil doses da CoronaVac, do Instituto Butantan.

Enquanto as doses não chegam, o governo vai iniciar a distribuição dos insumos para a vacinação, como seringas e agulhas. Ao todo, 2,2 milhões de itens serão enviados por quatro caminhões a partir de sábado (16) para as 22 Regionais de Saúde, que serão responsáveis pela distribuição aos municípios.

Ainda de acordo com o governo, as cargas serão escoltadas pela polícia e órgãos da Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp).

Fonte: G1

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta