Foto: Setran

Nesta terça-feira (22), segundo a Setran, uma kombi com mais de R$ 800 mil em multas, em aberto desde 2015, foi apreendida em Curitiba. O veículo foi abordado no Pilarzinho, na Rua Raposo Tavares.

As multas recebidas foram por conversão proibida, dirigir falando ao celular, estacionar em lugares proibidos, mas a mais recorrente era dirigir acima da velocidade permitida.

O veículo também recebeu nova multa porque está em nome de pessoa jurídica, mas sem indicação de condutor. Com isso, o veículo chega a R$ 813 mil em multas.

A Kombi foi removida e está no pátio do Setran. Para retirá-la, o dono tem que pagar as multas, o valor do guincho e também as diárias do pátio.

Segundo a Setran, a apreensão do veículo feita pela prefeitura é recordista em débitos dos últimos anos. Só este ano foram 20 casos parecidos, mas com multas acumuladas variando entre R$ 10 e R$ 122 mil.

Fonte: Paraná portal

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta