Foto: AEN

O Hospital do Rocio, de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, terá mais 22 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto, exclusivos para pacientes de Covid-19. A liberação foi assinada pelo secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, nesta quarta-feira (29).

O hospital soma agora 125 leitos de UTI exclusivos para atendimento à pacientes com a infecção causada pelo novo coronavírus. A abertura destas novas unidades faz parte do plano estratégico da Secretaria da Saúde de ampliação de leitos exclusivos nesta pandemia.

“Hoje anunciamos mais 22 leitos, que irão compor a Rede de Atendimento a casos relacionados ao coronavírus, visando diminuir a taxa de ocupação das unidades e também reforçando a regionalização da saúde no Estado”, afirmou Beto Preto.

A ampliação, segundo ele, é necessária pela alta demanda de internamentos no Estado.

“Estamos passando por um momento de grande procura por leitos, principalmente para casos mais graves da doença, devido ao aumento diário no número de casos, à baixa adesão da população ao isolamento domiciliar e distanciamento social e também às baixas temperaturas”, acrescentou.

REDE – No início da implantação dos leitos exclusivos para atendimento à Covid-19, em 26 de março, o Paraná contava com 264 leitos, sendo 52 de UTI Adulto e 212 de enfermaria. Agora, em quatro meses, o Estado soma 2.725 leitos, sendo 1.049 de UTI Adulto, 49 UTI pediátrica e 1.627 de enfermaria, um aumento de 932%.

O secretário Beto Preto reforça que as ampliações servem como um apoio para o enfrentamento da doença, mas que a população não deve se esquecer das demais medidas de prevenção.

“Reforçamos novamente que, aqueles que puderem, fiquem em casa, usem máscara e sigam as instruções de higiene. O Governo do Estado tem feito a lição de casa, mas precisamos da colaboração de todos para que, juntos, possamos passar por este momento com a menor letalidade possível”, enfatizou.

Fonte: AEN

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta