Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (24), mais uma profissional da saúde foi vítima do coronavírus em Curitiba.

Jussara dos Reis, de 28 anos, faleceu no Hospital Vitória, Cidade Industrial, onde também prestou serviço. Ela foi a 11º morte entre profissionais da enfermagem na capital.

O Sindicato dos Servidores Municipais de Enfermagem de Curitiba (Sismec) se manifestou após o falecimento da jovem, dizendo que ela era novata na profissão e não recebeu treinamento adequado para estar na linha de frente no combate ao coronavírus.

“A menina nunca teve treinamento. Nossos cursos têm sido bem fracos. Na primeira vez que vai trabalhar, jogaram numa linha de frente. Em outras contratações, conta o tempo de experiência”, acusou Raquel Padilha, presidente do Sindicato.

“É uma coisa gravíssima. Estão expondo esses profissionais que ainda nem começaram a trabalhar”.

Raquel Padilha disse ainda que a categoria não descarta um protesto.

“A princípio a categoria está discutindo os encaminhamentos e se organizando”, afirmou Raquel. “Ela era uma de muitos que estão trabalhando”. A sindicalista ainda afirmou que a Prefeitura disse que há apenas 25 profissionais afastados devido à Covid-19. “É uma mentira deslavada”, rebateu.

Na live de ontem, a secretária da saúde, Márcia Huçulak, lamentou a morte da jovem em seu primeiro emprego e disse que ela não informou comorbidades na contratação.

Fonte: Bem Paraná

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta