Foto: Rodrigo Feliz Leal/AEN

O secretário estadual da Saúde, Beto Preto, disse, nesta quarta-feira (22), em entrevista à Associação de Emissoras de Radiodifusão do Paraná (Aerp), que o estado do Paraná está em uma situação crítica de falta de medicamentos para pacientes internados com a Coronavírus, em especial a região leste.

Conforme a Gazeta do Povo, Beto Preto afirmou que o estado viu o uso de sedativos para intubação aumentar 500% neste período.

“O estoque de medicamentos aqui no Paraná era previsto para seis meses. Tudo foi consumido em 35 dias. (…) Estamos no limite para encontrar medicamentos, e consequentemente, temos dificuldade de manter os pacientes intubados e sedados”, destacou. Beto Preto ressaltou que o estoque atual será suficiente para “três ou quatro dias” e que uma nova remessa depende de compra feita pelo Ministério da Saúde.

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta