Foto: Yuriko Nakao / Bloomberg

Em tramitação na Câmara dos deputados, um projeto de lei, se aprovado, pode até dobrar os tributos e impostos incidentes sobre a comercialização de cigarros. A medida visa diminuir o número de internações com problemas causados pelo tabagismo no SUS.

A deputada Lauriete (PL-ES) utilizaa dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca) para embasar seu pedido, alertando que fumar aumenta o risco de contrair infecções bacterianas e virais, até mesmo Covid-19.

“Entre os pacientes chineses diagnosticados com pneumonia associada ao coronavírus, as chances de agravamento da doença foram 14 vezes maiores entre as pessoas com histórico de tabagismo em comparação com as que não fumavam”, diz

A parlamentar enfatiza que o estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS) demonstra que um simples aumento de 0,80 dólares no valor do maço em cada país seria capaz de diminuir em 9% o número total de fumantes no mundo. Seria uma maneira de ‘estrangular’ financeiramente o consumo de cigarros.

Com informações da Agência Câmara de Notícias

RECOMENDADOS:

Deixe uma resposta