FOTO: RODRIGO FELIX LEAL/ AEN

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), concedeu entrevista para o jornalista Marc Sousa, da RIC Record TV, na segunda-feira (18). Durante a entrevista, Ratinho declarou que o Paraná está trabalhando para manter a economia e ao mesmo tempo tentando controlar a pandemia do coronavírus. Sobre a reabertura de shoppings e academias, o governador afirmou que ainda é preciso novos resultados.

“Não dá para abrir academias e shoppings como se tudo estivesse normal. Não está normal. Não se trata de maneira normal um momento anormal. Com mais testes, teremos uma radiografia melhor. E aí sim, com protocolos, poderemos reabrir, mas com restrições”, destacou o governador.

Entre os argumentos utilizados para analisar a abertura de shoppings e academias está o aumento do número de testes do coronavírus. Segundo o governador nesta semana o estado entra em uma nova fase, e passa a fazer 1.200 testes por dia, ou seja, o dobro do que estava realizando. A meta do governo é chegar em 5.600.

Quando o Paraná conseguir realizar um volume maior de testes será possível uma nova análise do governo para reabertura de outros setores do comércio.

“Não adianta eu baixar um decreto universal. Temos cidades de tamanhos diferentes, que vivem realidades diferentes. A indústria no Paraná, por exemplo, nunca parou. E se parou, foi por decisão própria”, comentou Ratinho.

Fonte: RICMAIS

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta