Com a quarentena um maior número de pessoas fica em casa e consequentemente alguns itens passam a ser mais usados. Um deles é o gás de cozinha, que tem sido muito procurado nos últimos dias pelos curitibanos, mas, algumas distribuidoras já registram falta do produto em alguns períodos do dia.

O empresário Lincoln Belo tem uma distribuidora no bairro Pinheirinho, e disse a CBN que pessoas de várias regiões da cidade estão indo até lá para comprar o botijão P-13, o mais comum em residências. A procura é tão grande que ele começou a limitar a venda de um botijão por pessoa.

Já no bairro Tingui, uma fila chegou a se formar nesta quinta-feira (26) na distribuidora em que a Andressa Gomes trabalha. Ela relata que as pessoas estão comprando dois, três botijões de gás e, em pouco tempo, o estoque acabou.

O presidente da Sinregas, José Luiz Rocha, ressalta que não existe falta de gás, mas sim, uma procura desnecessária pelo produto.

Em nota, a ANP garantiu que o abastecimento está normal em todo o Brasil e que monitora o mercado. Além disso, afirmou que a falta do produto em algumas revendedoras é pontual.

Fonte: CBN

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta