É época de se imunizar contra a gripe, e Dona Maria Taborda de Almeida, de 101 anos, seguiu ao chamado para a vacina. Ela foi imunizada nesta terça-feira (24/3), nas tendas de atendimento da Rua da Cidadania do Bairro Novo.

A vacinação é contra o vírus da influenza e está acontecendo em 42 pontos na capital.

A vacina não tem efeito contra o novo coronavírus, mas evita o aumento da demanda sobre a rede de saúde, além de evitar que os sintomas sejam confundidos com os do novo vírus.

Atitude exemplar

“Dona Maria é um exemplo. Não se descuida com a saúde, porque sabe que o melhor é prevenir a doença do que tratá-la quando já está instalada”, disse o administrador da regional, Fernando Werneck.

Quem levou a Dona Maria para se vacinar foi o neto Abel Dias do Santos, 71 anos, com quem mora no Sítio Cercado há 4 anos.

“Ela é muito lúcida e tem uma memória incrível. Os únicos problemas são a dificuldade de se comunicar porque não escuta direito e a visão debilitada por causa da catarata”, relatou Abel.

Além de tomar as vacinas, Dona Maria faz o monitoramento geral de suas condições de saúde na Unidade de Saúde Nossa Senhora Aparecida.

“Ela não tem muita resistência para sair, mas eu vou até a unidade de saúde e a equipe vem fazer a avaliação dela em casa”, explicou Abel.

A primeira etapa da vacinação contra a gripe, que prevê a imunização de idosos e profissionais da saúde, segue até o dia 15 de abril. Expectativa é vacinar 118 mil idosos.

Fonte: Prefeitura de Curitiba

Curta nossa página no facebook: 8cc74bfbefd94a7c24d9d666a51f0623

Deixe uma resposta